LEI DA ATRAÇÃO, AMOR E DÚVIDAS!

Aqui você poderá tirar todas as suas dúvidas sobre como agir em relação a sua vida amorosa.
 
InícioInício  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 O QUE É DEPENDÊNCIA EMOCIONAL?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Admin
Admin
avatar

Mensagens : 136
Data de inscrição : 05/08/2011

MensagemAssunto: O QUE É DEPENDÊNCIA EMOCIONAL?    Dom Set 04, 2011 3:55 pm

Quando estarmos apaixonados significa sofrimento; quando a maior parte das nossas conversas com amigas íntimas é sobre ele, os seus problemas, o que ele pensa, os seus sentimentos... quando quase todas as nossas frases começam por "ele", estamos a amar demais.

Quando lhe desculpamos o mau humor, o mau gênio, a indiferença ou os atribuímos a uma infância infeliz e tentamos tornar-nos sua terapeuta, estamos a amar demasiado. Quando lemos um livro de auto-ajuda e sublinhamos todas as passagens que achamos que o ajudariam, estamos a amar demasiado.

Quando não gostamos das suas características básicas, dos seus valores e comportamentos, mas os suportamos pensando que se formos apenas atraentes e suficientemente apaixonadas ele se modificará por nós, estamos a amar demais.

Quando a nossa relação põe em risco o nosso bem-estar emocional e até, talvez, a nossa saúde física e a nossa segurança, estamos sem dúvida a amar demais.

Apesar de toda a dor e insatisfação, amar demasiado é uma experiência tão comum para tantas mulheres que acabamos por chegar a acreditar que essa é a forma como devem ser as relações íntimas. Muitas de nós amamos demais, mesmo que tenha sido apenas uma vez, e para muitas de nós a situação foi recorrente. Algumas de nós tornamo-nos tão obcecadas pelo nosso parceiro e pela relação que mal somos capazes de funcionar.

Tantas mulheres, à procura de alguém que as ame, parecem encontrar inevitavelmente, em vez disso, companheiros doentios e que não amam. Quando nos apercebemos de que uma relação não se adequa às nossas necessidades, temos, contudo, tanta dificuldade em terminá-la. Amar se transforma em amar demais quando o nosso parceiro é inadequado, desatencioso e indisponível, e mesmo assim não podemos prescindir dele... aliás ainda o queremos e necessitamos mais dele.

Dependência é uma palavra assustadora. Recorda imagens de viciados em heroína a enfiarem agulhas nos braços e a levarem, obviamente, vidas autodestrutivas. Não gostamos da palavra e não queremos aplicar o conceito à forma como nos relacionamos com os homens. Mas muitas, muitas de nós, têm sido "drogadas de homens", e tal como qualquer outro dependente temos de aceitar a gravidade do nosso estado antes de podermos recompor-nos.

Todas nós que amamos obsessivamente estávamos cheias de medo. Medo de estarmos sós, de sermos inaptas para ser amadas e indignas disso, medo de sermos ignoradas, abandonadas ou destruídas. Damos o nosso amor na esperança desesperada de que o homem por quem estamos obcecadas trate dos nossos medos. Em vez disso, os nossos medos e obsessões aumentam até que dar amor para o recebermos se torna uma força dominante nas nossas vidas. E como a nossa estratégia não resulta, tentamos amar ainda mais. Amamos demais.

O fenômeno de "amar de mais" é como uma síndrome específica de pensamentos, sentimentos e comportamentos. As mulheres são as únicas a amar de mais. Há homens que praticam essa obsessão com certos relacionamentos com o mesmo fervor do que qualquer mulher, e o seu comportamento e sentimentos advêm do mesmo tipo de infância e da mesma dinâmica. Porém, muitos dos homens que foram afectados durante a infância não desenvolvem relações doentias. Devido a uma interacção de factores culturais e biológicos, tentam habitualmente proteger-se e evitar o sofrimento com objectivos que são mais exteriores do que interiores, mais impessoais do que pessoais. A sua tendência é para se tornarem obcecados com o trabalho, o desporto ou com passatempos, ao passo que, devido a forças culturais e biológicas que atuam sobre ela, a tendência da mulher é para se tornar obcecada por um relacionamento, talvez com o tal homem magoado e distante.

Extraído do livro Mulheres que amam demais


flower
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://ldaamor.forumeiros.com
 
O QUE É DEPENDÊNCIA EMOCIONAL?
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Ajuda estou sem apoio emocional
» Interpretação-UEPA 2010
» chat ou grupo de apoio para quem está a ter ataques de panico

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
LEI DA ATRAÇÃO, AMOR E DÚVIDAS!  :: DEPENDÊNCIA EMOCIONAL-
Ir para: